Monday, March 13, 2017

Bolo rançoso (muito fácil de fazer)


Aiiiiiiii.....até consola olhar para a foto. E penso que até engorda um bocadinho...Sorte a minha que lhe vou ferrar o dente e se é para engordar que seja de barriga cheia! O bolo rançoso, mais uma maravilha da doçaria portuguesa. Que leva ingredientes sagrados aos quais devíamos prestar homenagem diária com oferendas aos deuses das amendoínhas e dar graças às galinhas que nos facultam os seus abençoados ovos. Não há nada tão bom como um bolo carregadinho de amêndoas e ovos, húmido como manda a lei. E é isso que vos apresento hoje. Adoro este docinho, que procuro sempre comer quando me desloco a terras alentejanas. Mas nem sempre é fácil de encontrar. Certamente já sentiram o mesmo que eu. Após comer umas brutas migas de couve-flor com carne de alguidar, o que há de melhor para empurrar o repasto senão um bolo rançoso? Mas depois vem o senhor do restaurante e diz...ora para sobremesa temos natas do céu, mousse de chocolate (acabadinha de sair do pacote) e um cheesecake. Até me cai uma lagriminha pelo canto do olho...Uma pessoa vai ao Alentejo e tem de suportar estas coisas? Cadê a doçaria regional? É por cenas destas que tenho de arregaçar as manga e procurar replicar estas maravilhas! Pois aqui têm um bolo rançoso fácil de fazer, talvez meio aldrabadito porque saltei a parte dos pontos de açúcar. Mas que interessa se o resultado é tão saboroso?

Ingredientes
250 gr. de amêndoa pelada e ralada
200 gr. de açúcar amarelo
80 gr. de manteiga
2,5 dl de água
250 gr. de doce de chila
9 gemas + 1 ovo completo
3 colheres de sopa de farinha com fermento

Preparação
Num tacho, levam a amêndoa ao lume juntamente com a água e o açúcar amarelo. Ferve até a água reduzir e quase secar totalmente, fica uma mistura húmida. Deixam arrefecer e juntam a manteiga amolecida e o doce de chila. Misturam bem. Por fim, adicionam as gemas batidas mais o ovo, e a farinha. O bolo é cozido numa forma besuntada com manteiga e coberta por papel vegetal, também este besuntado com manteiga. Quando a massa do bolo já está na forma, cobrem o topo com farinha. Sim, leram bem. Foi um truque que li na internet, que é  para o bolo não queimar. Não sei se faz grande diferença versus cobrir com folha de alumínio mas tenho cozido assim o bolo rançoso. Portanto, coloquem uma camada de farinha por cima da massa até esta ficar bem tapada. Levam o bolo a cozer a 160/180º, conforme a potência do vosso forno. O meu levou 40-50 minutos a cozer a 160º. O bolo deve ficar firme mas húmido. Espetem um palitinho ou abanem a forma do bolo, delicadamente, dentro do forno e se a massa se agitar muito é porque ainda está mal cozida. Para servir, deixam arrefecer e tiram a farinha com um pincel. Espero que gostem!

No comments:

Post a Comment